Eu me interesso por

Faça uma viagem no tempo conosco

  1. 2700 a.C. - Primeiro registro

    A primeira farmacopeia (conjunto de informações técnicas sobre produtos farmacêuticos) do mundo, chamada Pen Ts’ao Ching, recomenda o uso da cannabis para dores nas articulações, prisão de ventre e malária.

  2. 1500 a.C - No Egito dos Faraós

    No Antigo Egito, o livro de medicina conhecido como Papyrus Ebers (um dos tratados médicos mais antigos e importantes que se conhece) indica a cannabis para cólicas menstruais e inflamações nos olhos.

  3. 50 d.C - No principal livro de medicina

    No Materia Medica, principal livro de medicina até o século 15, o médico grego Pedanius Dioscórides cita a cannabis como remédio para problemas de articulação e inflamações.

  4. 1840 - Nos medicamentos dos EUA

    Os primeiros remédios a base de cannabis surgem nos EUA.

  5. 1841 - Na Europa

    Os textos do médico inglês William O'Shaughnessy popularizam o uso medicinal da cannabis na Europa. Após uma temporada na Índia, o médico publica artigos sobre o uso de planta para tratar dores nas articulações, espasmos musculares e epilepsia em crianças.

  6. 1889 - Na prestigiada revista científica

    O The Lancet, revista científica ainda em atividade, divulga estudo sobre o tratamento da dependência de ópio com cannabis.

  7. 1893 - Nos estudos pelo mundo

    Estudo britânico na Índia conclui que a cannabis é benéfica para insônia, diabetes e ansiedade.

  8. 1905 - No Brasil de 1900

    Os Grimault “Cigarros Índios”, feitos de cannabis, são vendidos no Brasil para tratar insônia e asma. Enquanto isso, os extratos da planta são vendidos em diversos países da Europa e da América como analgésicos e antiespasmódicos.

  9. 1937 - A proibição

    A proibição da cannabis nos EUA impede sua prescrição. Nos anos seguintes, o mesmo acontece no restante do mundo.

  10. 1980 - Nos estudos brasileiros

    Estudo brasileiro testa a eficácia do canabidiol, derivado da cannabis, para o tratamento de epilepsia. Entre os oito pacientes testados, sete melhoram e quatro não tiveram mais crises.

  11. 1990 - Na holanda

    A empresa HortaPharm é criada na Holanda para o desenvolvimento de variedades de cannabis destinadas ao uso medicinal.

  12. 1996 - Reconsiderando a proibição

    A “lei da compaixão” é aprovada por plebiscito na Califórnia e o estado americano torna-se o primeiro a aprovar o uso medicinal da cannabis.

  13. 1998 - No desenvolvimento de remédios

    No Reino Unido a empresa GW Pharmaceuticals é fundada para criar remédios à base de cannabis, como o Sativex® e o Epidiolex®.

  14. 2001 - No programa federal de saúde

    O Canadá, por ordem judicial, torna-se o primeiro país do mundo a ter um programa federal que fornece cannabis com fins terapêuticos.

  15. 04/2014 - A saúde vence a proibição

    No Brasil, a família de uma criança de 5 anos portadora de uma síndrome rara que causa convulsões, torna-se a primeira a ter autorização judicial para usar um produto de cannabis. Após a popularização do filme “Ilegal” - que conta a história da garota, a ANVISA passa a receber mais pedidos de autorização de produtos à base de CBD – poderoso anti convulsivo extraído da cannabis.

  16. 12/2014 - Prescrição autorizada

    Conselho Federal de Medicina autoriza médicos a prescreverem o canabidiol (CBD) para crianças com epilepsia que não tenham respondido a outros tratamentos.

  17. 2015 - CBD não é mais proibido

    Anvisa retira canabidiol (CBD) da lista de substância proibidas e a coloca no rol de substâncias controladas.

  18. 2017 - Remédio de cannabis nas farmácias brasileiras

    Anvisa registra o primeiro medicamento à base de CBD e THC.

  19. Hoje - Mais avanços estão por vir

    A cannabis segue fazendo história e parte da vida de milhões de pessoas pelo mundo. Nós continuaremos acompanhando tudo de pertinho e trazendo as novidades para você!

história julho 31, 2018

6 fatos históricos sobre o uso da cannabis medicinal

3 minutos de leitura Leia Mais